Pular para o conteúdo principal

Tem Um Bicho Na Minha Casa

"TEM UM BICHO NA MINHA CASA"
  • Sinopse:
As crianças, Sô, Jota e Cyber, recebem visitas inesperadas em suas casas. Toco, o tucano, Aru, a arara-azul, e Kaku, o macaco, vieram de muito longe e precisam de ajuda. Por que será que aqueles animais selvagens apareceram na cidade? As crianças, por meio das ferramentas digitais, vão tentar encontrar respostas para essa pergunta, para assim, pensar em soluções que ajudem seus novos amigos.
  • Sobre o teatro web:
O vídeo de “Tem Um Bicho Na Minha Casa” leva até as crianças temas inerentes a preservação do meio ambiente e a proteção dos animais que estão ficando sem lar, sem alimento e sem condições de sobreviver. O tema vem à tona em um momento no qual o Brasil sofre com as recentes queimadas ocorridas no pantanal e na Amazônia. 

O vídeo mostra os personagens se comunicando de forma on- line, estabelecendo assim, realismo com as condições de isolamento atuais, e a consequente identificação com os personagens. Além das personagens crianças, temos em cena, os animais silvestres, como a Arara-Azul, que está em extinção. No vídeo, eles são interpretados por meio de fantoches, inspirados em clássicos da TV Cultura, que tem a função de interagir e trazer questionamentos as crianças protagonistas. 

A melodia de um dos clássicos do baião, a música Asa Branca, é utilizada para fechar o enredo, trazendo brasilidade e uma nova letra que reflete o pedido de ajuda e união para a proteção da natureza. 

De forma lúdica e musical, o vídeo contribui para o despertar da consciência ecológica e da proteção a todas as formas de vida, plantando sementes de igualdade, respeito e amor a natureza e a vida.
  • Ficha Técnica:
Direção e roteiro: Ítalo Jonas
Elenco:  Allex Borges, Andressa Estrala, Iuri Lupetti, Ítalo Jonas
Tema: Preservação da natureza e contexto das queimadas no Brasil durante o ano de 2020
Edição: Ítalo Jonas
Manipulação e voz original dos fantoches: Iuri Luppeti, Alex Borges e Andressa Estrela
Ilustrações: Allex Borges
Produção: Cia de Teatro Kokelinha
Duração: 15 min
Ano: 2020
  • Prêmios:
Festival Entre Cantos:
  • Melhor concepção vídeo - Júri Popular (2020)
  • Melhor concepção vídeo - Júri Técnico (2020)
  • Impacto Social (2020)

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀Siga a Cia Kokelinha:

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀Siga a Cia Kokelinha:
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀| ©2019 - 2020 Kokelinha Cia de Teatro | ciakokelinha@gmail.com |